Cachorro Mancando: 8 Principais Causas, Prevenção e Tratamento

blank

Por Redação Petvi

Acreditamos que a nutrição personalizada é a chave para uma vida feliz – e é por isso que nos esforçamos para fornecer ao seu animal de estimação as soluções nutricionais mais avançadas do mercado.

01/01/2021

Para todos que amam cães, ver um cachorro mancando é algo que dá até uma dor no coração, não é mesmo?

E se o animal em questão for aquele que está sob nossos cuidados, a preocupação é dobrada!

Se você tem um cachorro mancando em casa e chegou até este artigo, tenha certeza de que terá todas as informações necessárias para entender o problema.

Então, acompanhe até o final para conhecer os principais motivos. Certamente um deles poderá esclarecer a sua situação!

Ao final, vamos falar sobre algumas formas de prevenção e os tratamentos geralmente indicados pelos veterinários.

Vamos lá?

Cachorro mancando: 8 principais causas

Como prometido, veja os problemas que podem resultar em um cachorro mancando:

1 – Ferimentos nas patas

Os ferimentos são um dos motivos mais óbvios para um cachorro mancando.

Estamos falando de quando as feridas se encontram nos coxins, que são aquelas “almofadinhas” fofas das patas e dedos dos cães.

Durante as caminhas na rua ou até mesmo dentro de casa, seu pet pode pisar em algo que o machuque, como farpas de madeira ou cacos de vidro, por exemplo.

Com o corte doloroso ou o objeto estranho encravado na patinha, é de se esperar que ele sinta dor e evite se apoiar no chão.

Mas há também outras possibilidades.

Cães estressados ou com ansiedade de separação podem começar a se lamber ou morder excessivamente.

Alguns fazem isso nas patas, se machucando ou até desenvolvendo outros sintomas, conforme a ciência já comprovou.

Se seu cão começou a mancar de repente, uma boa ideia é conferir se não há algo de errado com os coxins dele.

2 – Queimaduras

Quando seu cão anda em superfícies muito quentes, ele pode também queimar a sola das patinhas.

Como sempre se comenta, o mais indicado é passear nos momentos mais frescos do dia, evitando que o calor da calçada queime seu amigo.

Para ver mais dicas sobre como passear com o seu cachorro, clique aqui.

3 – Ruptura do ligamento cruzado

cachorro mancando

É possível que você já tenha ouvido falar desse tipo de lesão em jogadores de futebol ou outros esportistas.

Com os cães pode acontecer o mesmo!

Devido a um esforço intenso ou esforço repetitivo ao longo do tempo (especialmente em cães mais pesados) esses ligamentos podem ser romper.

O problema faz com o que o animal não consiga colocar a pata no chão.

O resultado, como era de se esperar, é um cachorro mancando e com muita dor.

No caso da ruptura de ligamento, não tem jeito: o cão deve ser levado imediatamente ao veterinário e o tratamento requer cirurgia.

Seu amigo vai precisar ainda de um tempinho para se recuperar. Cuide dele da melhor forma possível e ajude-o a voltar à antiga forma!

4 – Displasia coxofemoral

A displasia coxofemoral é basicamente uma disfunção que gera um “desencaixe” entre a cabeça do fêmur e o osso da pélvis.

Ela tem 5 graus, do mais ao menos grave, e costuma ter causa genética.

Infelizmente, muitos tutores só reconhecem o problema quando ele está avançado, a partir do grau 4 – que quando se pode ver o cachorro mancando.

Mas quanto mais cedo se identificar a displasia, melhor, pois pode-se iniciar o tratamento com remédios que aliviem a dor do pet.

Em alguns casos, há indicação de cirurgia.

As raças com maior risco de desenvolvimento da displasia coxofemoral são as raças de cachorros grandes, como:

  • Golden Retriever
  • Pastor Alemão
  • Fila Brasileiro
  • Pastor Alemão
  • Labrador Retriever
  • São Bernardo
  • Rottweiler

No entanto, cães médios e outras raças também podem apresentar o problema. Fique de olho!

5 – Artrite

A artrite nos cães, assim como nos humanos, é a inflamação das articulações.

Ela pode ocorrer por alguma condição de saúde, como doenças e infecções, mas é bastante comum pelo desgaste natural das juntas.

É por isso que ocorre com mais frequência em cães idosos, podendo ainda afetar pets que esforçam demais ou estão acima do peso.

Ela promove dores e pode deixar seu cachorro mancando, sendo necessário medicar os sintomas com ajuda do veterinário.

6 – Tumor ósseo

O tumor ósseo é outro problema que afeta cães grandes, e como são internos, demoram a ser notados.

O principal sintoma é o cachorro mancando ou tendo dificuldades para andar.

Lembrando que a palavra tumor não significa necessariamente um câncer, mas qualquer aumento de volume no organismo.

Porém, os tumores ósseos podem ser malignos, o que deve ser diagnosticado pelo veterinário o mais rápido possível.

7 – Luxação da patela

A patela é um conhecido osso presente nos joelhos

Em alguns casos começa a se mexer da forma errada por um problema de “encaixe”, como na displasia coxofemoral.

Essa movimentação gera atrito entre os ossos, causando a luxação.

Também é genética e tem diferentes graus de intensidade, mas ao contrário da displasia coxofemoral, que atinge raças grandes, são os cães menores os que mais sofrem com a luxação da patela.

As raças mais propensas ao problema são:

  • Chihuahua
  • Lhasa Apso
  • Pequinês
  • Poodle
  • Pug
  • Shih Tzu
  • Spitz Alemão
  • Yorkshire

Se não tratada, pode levar ao desenvolvimento de artrite e deixar o cachorro mancando quando ficar mais velho.

8 – Fraturas e torsões

cachorro mancando

É óbvio que se seu amiguinho sofreu um acidente e quebrou ou torceu a pata você vai notar imediatamente que ele começou a mancar.

Mas mesmo fraturas menores, que não chamam tanto a atenção, podem resultar em um cachorro mancando se não forem tratadas.

O que acontece é que a fratura se calcifica na posição errada, o que leva o pet a essa condição.

Então, sempre se seu amigo levar um tombo mais feio, se machucar ou torcer a pata, leve ao veterinário para averiguar se houve fratura.

Cachorro mancando: como prevenir e tratar

Como vimos, as causas da dificuldade de movimento dos cães são muitas, das mais comuns às mais graves.

Então, vamos refletir juntos sobre como proteger nossos animaizinhos…

Observação e cuidados veterinários

A primeira dica básica sobre cachorro mancando é a mais simples: observe o seu pet!

Dependendo do que estiver afetando seu amiguinho, somente o veterinário poderá dar o tratamento adequado.

Muitas vezes a única indicação é a cirurgia, então é importante notar quando o problema ocorre para levar seu amigo ao médico, traçar o diagnóstico correto e a partir daí buscar a solução.

Nos casos em que o objetivo é recuperar o animal ou minimizar as dores, há também tratamentos extras ou alternativos.

Cães com artrite ou dificuldade de locomoção por conta da idade podem responder bem à acupuntura, por exemplo.

Além disso, a fisioterapia também tem ajudado muitos cachorros que precisam recuperar os movimentos.

Remédios para dor também são úteis, mas é sempre bom lembrar de só dar aqueles receitados pelo veterinário.

Nada de medicar o peludinho por conta própria, certo?

Nutrição para prevenir problemas nas juntas

Como todos sabemos, prevenir é melhor do que remediar…

E nisso uma boa nutrição tem papel fundamental! Atualmente, mais do que somente ração, muitos veterinários têm indicado suplementos.

Eles são uma forma natural de dar um passo além na nutrição do pet, o que com certeza previne vários dos problemas que deixam o cachorro mancando.

Veja…

Ossos e articulações mais fortes

blank

Se você garante ao seu cão nutrientes que deixam os ossos e cartilagens mais fortes, acaba reduzindo ou atrasando o desgaste desses locais.

Essa é a chave para combater situações como a artrite, prevenir fraturas ou rompimentos nos ligamentos.

As condições genéticas, como a displasia coxofemoral ou a luxação de patela, podem não ser evitadas, mas ao fortalecer as estruturas prejudicadas também é possível dar mais qualidade de vida para o pet.

Combate do sobrepeso

Se o cãozinho está acima do peso, tenha certeza de que as articulações vão sofrer mais para suportar o corpo dele.

É algo que só piora todas as condições citadas e aumenta o risco de você ter um cachorro mancando em casa.

Uma dieta equilibrada e nutritiva, combinada com exercícios físicos, não pode faltar para uma ótima saúde animal!

E com o Longevi você consegue tudo isso!

O Longevi é o primeiro super suplemento em pó para cachorros.

Basta misturar com a ração que seu amigo já come e, se quiser, adicionar um pouco de água para transformar o jantar em uma ração úmida e deliciosa com sabor de bacon!

O Longevi tem um blend exclusivo de 42 nutrientes e micronutrientes, juntando tudo o que os cães precisam para ter uma saúde de ferro.

São ingredientes como:

  • Cálcio – a base da saúde e da força óssea;
  • Spirulina – fonte de 9 aminoácidos essenciais para o organismo dos cachorros, com alto valor biológico;
  • Biotina – vitamina do complexo B que atua na assimilação de proteínas e carboidratos;
  • Probióticos – que aumentam a imunidade, a disposição e a energia;

E muito mais…

Quer conhecer os outros benefícios?

Então nada melhor do que escutar quem entende do assunto, como Julinho Casares, considerado por muitos um dos maiores especialistas em comportamento canino do Brasil.

Julinho já ajudou a mudar pra melhor muitos cães no programa Bom pra Cachorro e no quadro “Enquanto meu dono não vem”, da Record, e agora gravou um vídeo especial explicando como funciona o Longevi.

Clique aqui para assistir!

Proteja a saúde do seu amigo. Chega de cachorro mancando ou com outros problemas que podem ser evitados com uma boa alimentação!

Compartilhe nas Redes Sociais

blank
O original e mais reconhecido supersuplemento

Supersuplemento é um suplemento com mais de 2 funções chave, como por exemplo, ajudar a diminuir queda de pelos e aumentar o apetite. Um supersuplemento consegue entregar isso por ter propriedades nutricionais cientificamente validadas a fortalecerem mais de um marcador de saúde.

blank

Por Redação Petvi

Acreditamos que a nutrição personalizada é a chave para uma vida feliz – e é por isso que nos esforçamos para fornecer ao seu animal de estimação as soluções nutricionais mais avançadas do mercado.

01/01/2021

Você também pode gostar de…

Send this to a friend